top of page

De bem com o corpo e com os negócios: mercado de academias é aposta promissora de investimento


Brasil soma mais de 29 mil centros dedicados a atividades físicas segundo relatório fitness nacional

Um mercado que segue em franco crescimento é o de academias. Mesmo em meio a períodos econômicos instáveis, o setor é impulsionado pelo aumento de brasileiros que estão adotando hábitos cada vez mais saudáveis para melhorar a qualidade de vida. Conforme os dados da Cortex Intelligence — empresa líder em inteligência de vendas B2B na América Latina — o Brasil conta com mais de 32 mil academias ativas. Esses espaços de atividades físicas são frequentados por 21% da população, tornando o país o segundo que mais pratica musculação e outros esportes. Diante desse cenário, o Brasil se destaca com maior quantidade de centros dedicados a atividades físicas, totalizando mais de 29 mil, atrás apenas dos Estados Unidos, que lideram o ranking com mais de 40 mil, segundo o Panorama Setorial Fitness Brasil 2023 – relatório fitness nacional sem precedentes. Investir em uma franquia por ser um modelo de negócio seguro, bem-estruturado e já testado é uma opção promissora para empreender. A dúvida que fica na hora de escolher para onde vai o dinheiro investido é: será que vale a pena? Nesse caso, o balanço de desempenho do primeiro trimestre de 2023, divulgado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), mostrou que o setor de Saúde, Beleza e Bem-Estar alcançou uma receita total que ultrapassou a marca dos R$ 50 bilhões e soma um crescimento de 17,2% no primeiro trimestre deste ano. Os números mostram quão favorável esse segmento foi e tem sido para quem quer começar a empreender. Através do sistema de franchising, o empreendedor não somente pode optar pelo setor que mais o atrai para investir, mas também tem a oportunidade de escolher entre diferentes modalidades oferecidas pelas empresas. A Red Fitness, por exemplo, possui três modelos de investimento: master-franquia, franquia padrão e sócio-cotista. Como sócio-cotista, o investimento inicial é a partir de R$ 300 mil. Já para se tornar franqueado no modelo padrão, o investimento inicial é a partir de R$ 3,1 milhões, com faturamento médio anual de até R$ 3,8 milhões e o lucro em torno de 40%. A variedade de opções permite que o investidor analise cuidadosamente qual se adequa ao seu orçamento e objetivos, garantindo uma escolha informada e alinhada com suas metas. “Decidimos transformar a Red Fitness em uma franquia porque isso nos permite expandir nossos horizontes para qualquer ponto do Brasil e do mundo. O franchising está em crescente destaque e faturamento no país, acredito que por apresentarem menor risco, suporte ao franqueado e vantagens econômicas de escala. Antes de se comprometer com uma franquia, é preciso realizar uma boa análise de mercado e pensar a longo prazo. Franquias são uma ideia inteligente de investimento; afinal, você não está começando em um negócio do zero, mas sim, apostando seu dinheiro em um modelo de negócio já testado e consolidado no mercado”, explica o educador físico e CEO da rede, Ronaldo.

Sobre a Red Fitness A Red Fitness é uma rede de academias fundada em 2013 pelo casal Ellen Fernandes e Ronaldo Godoi. A companhia oferece, além das modalidades triviais, a Micro Gym Red Burn — modelo patenteado de treino. Hoje, com quatro operações em funcionamento e três em implantação no Estado de São Paulo, a marca está em expansão das unidades para todo o país por meio do franchising.


Fonte: Gabriela Araújo




 




CURSO DE MARKETING DIGITAL









CURSO DE MARKETING PESSOAL








LIVROS DIGITAIS









COMPRE EM NOSSA LOJA | PARCEIRO

MAGALU|

MAGAZINE LUIZA & MAGAZINE X GERAL

" Tem na minha Loja, o produto que você procura!"





ANUNCIE AQUI | PROMOÇÃO 50%




6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page